antf.org.br

Você está aqui: Home Notícias Literatura sobre os trilhos: Vale realiza campanha de incentivo à leitura ao longo da ferrovia Vitória a Minas

Literatura sobre os trilhos: Vale realiza campanha de incentivo à leitura ao longo da ferrovia Vitória a Minas

Exemplares poderão ser retirados nas principais estações do trecho e devolvidos no Trem de Passageiros

A partir desta semana, a Vale dará início ao projeto Estação Leitura, iniciativa que tem o objetivo de fomentar e valorizar o hábito de ler, bem como de incentivar a cultura do compartilhamento entre os seus empregados e as pessoas que utilizam o transporte ferroviário todos os dias.

Para isso, a empresa vai envolver empregados próprios e contratados em campanhas internas voltadas a arrecadar os livros, que serão posteriormente disponibilizados ao público que embarca no Trem de Passageiros da Estrada de Ferro Vitória a Minas (EFVM), ampliando assim as oportunidades de lazer e conhecimento durante a viagem. Também estão previstas ações de incentivo à doação de livros com as comunidades vizinhas à linha férrea da Vale e entre os próprios usuários do Trem de Passageiros. Nesse caso, os pontos de coleta dos livros serão as próprias estações situadas ao longo da ferrovia Vitória a Minas. E, tanto na ação envolvendo os empregados, quanto na mobilização das comunidades, é necessário que os exemplares doados sejam novos, ou que estejam em bom estado de conservação.

Os volumes arrecadados ficarão em exposição em estantes instaladas nas quatro principais estações ferroviárias do trecho e que simulam uma "biblioteca móvel": Pedro Nolasco, em Cariacica; Governador Valadares; Intendente Câmara, em Ipatinga; e central de Belo Horizonte, na capital mineira, onde os exemplares ficarão à disposição para empréstimo para os passageiros que estiverem em busca de uma boa leitura durante a viagem.

Uma vez finalizada a leitura, o passageiro poderá devolver o exemplar em algumas das estações citadas acima, ou deixa-lo no próprio trem para que outras pessoas tenham acesso ao livro. A escolha das estações que receberão as "bibliotecas móveis" se deu pelo volume e fluxo de pessoas que utilizam esses espaços diariamente.

 

Sobre a Estrada de Ferro Vitória a Minas

Considerada a ferrovia mais produtiva do Brasil e uma das mais modernas do mundo graças aos investimentos em tecnologia e recursos humanos, a Estrada de Ferro Vitória a Minas (EFVM) tem 905 quilômetros de extensão e transporta cerca de 40% de toda carga ferroviária do país. Por ela circulam pelo menos 60 tipos de produtos, como minério de ferro, aço, soja, carvão, calcário, entre outros.

Além de operar no transporte de cargas, pela EFVM passa o único trem de passageiros do Brasil que percorre longas distâncias diariamente. Durante o percurso, o passageiro tem à disposição belas paisagens, história, comodidade e segurança.

Com o passar dos anos, as operações da EFVM foram modernizadas para aumentar a eficiência, a capacidade, a produtividade e a segurança, essa última trabalhada pela Vale por meio de ações de conscientização realizadas junto às comunidades situadas ao longo da ferrovia durante todo o ano.

Blitzen educativas em passagens em nível (locais onde há cruzamento entre a ferrovia e as estradas), divulgação de dicas de segurança em rádios e jornais, visitas de autoescolas às áreas da Vale e jogos educativos nas comunidades fazem parte das atividades. Além disso, empregados da mineradora que atuam na operação ferroviária realizam palestras mensais em escolas de ensino fundamental e médio situadas ao longo do trecho com o objetivo de conscientizar crianças, adolescentes e adultos sobre a importância da convivência segura e harmônica com a ferrovia.

 

Fonte: Vale

 
confederacao
first
  
last
 
 
start
stop

facebooktwitteryoutube